segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Licença paternidade de 20 dias aguarda sanção presidencial para entrar em vigor

Com informações Agência Brasil

Nova regra para licença paternidade pode trazer benefícios para a sociedade, avalia especialista.

Aguarda sanção da presidente Dilma Rousseff o projeto de lei aprovado pela Câmara dos Deputados que amplia de 5 para 20 dias a licença paternidade.
  

Ligações de telefones fixos para celulares estão mais baratas

Com informações Agência Brasil



Começou a valer no sábado (26) a redução das tarifas para ligações locais e interurbanas feitas de telefone fixo para móvel. 

Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), as tarifas das chamadas fixo-móvel local ficaram entre 14,95% a 22,35% mais baratas, dependendo da operadora de origem da chamada.

Também foram unificadas as tarifas das chamadas fixo-móvel local. 

Receita começa a receber declarações do IR 2016 nesta terça-feira

Com informações Portal Brasil 

O programa gerador da declaração para computador foi liberado no site da Receita Federa lno dia 25.

O prazo para entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoas Física 2016 (IRPF) começa na terça-feira (1º). 

As fontes pagadoras estão obrigadas a entregar o comprovante de rendimento aos trabalhadores até esta segunda-feira (29). 

domingo, 28 de fevereiro de 2016

GRANDES ARTIGOS: A TAXA DE JUROS BAILANDO ENTRE A IGNORÂNCIA E A GANÂNCIA


“O que fazemos é uma estupidez incomensurável. Travamos a economia em lugar de estimulá-la com taxas de juros baixas e política fiscal expansiva”.

“Claro, alguém está ganhando com isso. O principal orador privado na última reunião do CDES, Luís Carlos Trabuco, presidente do Bradesco, fez um apelo dramático para que todos se esforcem para superar a crise. É que, segundo ele, todos perdem com ela. No dia seguinte, o Bradesco anunciou um lucro trimestral de R$ 24 bilhões, refletindo 30 trimestres seguidos de lucros crescentes!”, escreve José Carlos de Assis, economista, doutor pela Coppe/UFRJ, em artigo publicado por Jornal GGN.

Leia o artigo na integra pelo link, abaixo:

sábado, 27 de fevereiro de 2016

CITAÇÃO DA SEMANA: BRUNO MILANEZ


“Espera-se sinceramente que o Tribunal Regional Federal, o Superior Tribunal de Justiça ou o Supremo Tribunal Federal cumpram a Constituição – notadamente no que se refere ao Juiz Natural – e reconheçam a incompetência territorial do juiz Sérgio Moro em relação a essa fatia da “Operação Lava Jato”.  Afinal, não há, no Brasil – ainda que alguns queiram -, juiz com jurisdição universal!"

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Três vereadores e um servidor da Câmara de Campo Largo têm indisponibilidade de bens decretada

Com informações MP-PR


Três vereadores e um servidor da Câmara Municipal de Campo Largo, Região Metropolitana de Curitiba, tiveram decretada a indisponibilidade de bens pela Justiça. 

As liminares, expedidas pelo Juízo da 2ª Vara da Fazenda pública da Comarca, atendem a três ações civis públicas por ato de improbidade administrativa, ajuizadas pela 1ª Promotoria de Justiça de Campo Largo. 

Comissão de Relações Exteriores manifesta apoio à anistia na Venezuela

Com informações Agência Senado


A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) aprovou, na quinta-feira (25), voto de apoio à concessão de anistia aos presos políticos da Venezuela. 

Requerimento nesse sentido foi apresentado pelo presidente da comissão, senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), durante audiência pública convocada para debater a crise política no país vizinho, que teve como principal convidado o presidente da Comissão de Política Exterior, Soberania e Integração da Venezuela, deputado Luis Florido.

PEC fixa remuneração para defensores, delegados e auditores fiscais

Com informações Agência Câmara


Está em análise na Câmara dos Deputados a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 102/15, do deputado Gilberto Nascimento (PSC-SP), que fixa o subsídio dos auditores fiscais da Receita Federal, dos auditores fiscais do Trabalho, dos delegados das polícias Federal e Civil e dos advogados e defensores públicos em 90,25% do subsídio dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).
Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Segundo a proposta, o mesmo teto remuneratório será concedido aos procuradores de municípios com mais de 500 mil habitantes.

Em Marumbi, prefeito, vereador e ex-secretário são denunciados por desvio de bens públicos

Com informações MP-PR

O Ministério Público do Paraná, por meio do Gaeco de Curitiba e de Maringá, encaminhou, na última semana, denúncia ao Tribunal de Justiça contra o Marlon Pini (PSB)prefeito de Marumbi, na região Norte-Central Paranaense, um vereador, o ex-secretário municipal de Agricultura do município e mais uma pessoa por desvio de bens públicos em proveito alheio.

De acordo com as investigações, conduzidas pelo Gaeco de Maringá, em 2013 o prefeito abriu licitação para reforma e substituição da cobertura do Ginásio de Esportes da cidade pelo valor de R$ 143 mil. 

Projeto sobre exploração do pré-sal mantém controle brasileiro, diz Braga

Com informações Portal Brasil

O ministro Eduardo Braga, de Minas e Energia, comentou na quinta-feira (25) o projeto que retira a obrigação da Petrobras em investir em todos os campos de petróleo do pré-sal. 

O projeto de lei foi aprovado na quarta-feira no Senado.

O texto original, que é do senador José Serra, do PSDB, foi modificado pelo relator Ricardo Ferraço, sem partido. 

O ministro Braga lembrou que a aprovação foi o resultado do diálogo entre governo e oposição.

O texto inicial de José Serra retirava a obrigatoriedade da estatal ser a única operadora do pré-sal e também de participar, no mínimo, com 30% de cada campo de Petróleo.

Toffoli redistribui para ministra do TSE quarto pedido de cassação contra Dilma

Com informações Agência Brasil

O ministro Dias Toffoli, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou na quinta-feira (25) que um processo que tramita na corte eleitoral contra a presidente Dilma Rousseff e o vice-presidente Michel Temer seja redistribuído para a ministra Maria Thereza de Assis, que é a atual Corregedora-Geral Eleitoral. 

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Receita libera nesta quinta programa para declaração de Imposto de Renda

Com informações EBC


A partir desta quinta-feira (25) o programa gerador da declaração de Imposto de Renda Pessoa Física estará disponível no site da Receita Federal. 

O contribuinte que quiser adiantar o preenchimento, pode baixar o programa no computador, mas só será possível enviar a declaração em 1º de março. 

A Receita espera receber este ano 28,5 milhões declarações.

CCJ aprova mandato de 10 anos para ministros do Supremo

Com informações Agência Senado


A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou, na quarta-feira (24), proposta de emenda à Constituição (PEC 35/2015) que estabelece mandato de 10 anos para ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). 

A proposta modifica ainda o processo de escolha do indicado para a função e o torna inelegível para qualquer cargo eletivo pelo prazo de cinco anos após o término do mandato.

O texto segue para análise do Plenário do Senado.

Nova reunião do Conselho de Ética sobre cassação de Cunha será no dia 1º março

Com informações Portal Brasil


O presidente do Conselho de Ética da Câmara dos Deputados, José Carlos Araújo (PSD-BA), teve que encerrar a reunião para analisar o parecer que pede a continuidade do processo de cassação do mandato do presidente da Casa, Eduardo Cunha.

A reunião, na quarta-feira (24), foi suspensa após o início da Ordem do Dia no plenário. A próxima reunião do Conselho ficou marcada para terça-feira (1º).

Na reunião de quarta-feira, os deputados continuariam a discussão sobre a admissibilidade do relatório. Em geral, as votações do plenário no período da tarde só começam. efetivamente, após as 17h, apesar de agendadas para as 14h30.

Fim da participação obrigatória da Petrobras na exploração do pré-sal é aprovado no Senado

Com informações Agência Senado


A revogação da participação obrigatória da Petrobras na exploração do petróleo da camada pré-sal foi aprovada nesta quarta-feira (24) no Plenário do Senado. 

A proposta do senador José Serra (PSDB –SP) (PLS) 131/2015 tramitava em regime de urgência e segue agora para a Câmara dos Deputados. 

Por 40 votos a 26 e duas abstenções foi acatado substitutivo apresentado pelo senador Romero Jucá (PMDB-RR), fruto de acordo do PSDB com parte da bancada do PMDB e com integrantes do governo.

Pela lei atual, aprovada em 2010, a Petrobras deve atuar como operadora única dos campos do pré-sal com uma participação de pelo menos 30%. 

Ministro do STF bloqueia bens de deputado e senador investigados na Lava Jato

Com informações  Agência Brasil

O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou o bloqueio dos bens  do deputado federal Arthur Lira (PP-AL) e do pai dele, senador Benedito de Lira (PP-AL). 

Ambos são investigados na Operação Lava Jato, por terem sido citados em depoimentos de delatores das investigações. 

Eles relataram repasses de dinheiro para os acusados.


Atendendo a pedido da Procuradoria-Geral da República, o ministro determinou o sequestro de bens do senador, no valor de R$ 1,6 bilhão, e do deputado, no valor de R$ 2,6 milhões.

Em setembro do ano passado, pai e filho foram denunciados ao Supremo pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

Arthur de Lira é presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara.

Acarajé leva governo a comprar briga com Moro

Com informações Brasil247


Foram necessários pouco mais de dois anos de Operação Lava Jato para que o governo federal se convencesse de que o juiz Sergio Moro, que conduz força-tarefa curitibana, possui uma agenda política, que contempla objetivos como a destruição do Partido dos Trabalhadores, a derrubada da presidente Dilma Rousseff e a inviabilização da eventual volta do ex-presidente Lula ao poder.

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

MPF reconhece incompetência de Moro para julgar fatos da Operação Lava Jato

Com informações JusBrasil


Por Bruno Milanez

Há mais de dois anos, tudo o que se desenvolve no âmbito da 13ª Vara Federal da Subseção Judiciária de Curitiba é noticiado como sendo decorrente da Operação Lava Jato.

Em realidade, no início dessa megaoperação, existiam quatro investigações paralelas – com nomes distintos -, cujo foco eram quatro supostos doleiros. 

Eram elas: Operação Bidione (investigado principal Alberto Youssef), Operação Dolce Vita(investigada principal Nelma Kodama), Operação Casablanca (investigado principal Raul Srour) e Operação Lava Jato (investigado principal Carlos Habib Chater).

Oportuno ressaltar que das supostas atividades delituosas desenvolvidas nestes quatro núcleos investigativos, apenas aquelas relativas à Alberto Youssef se passavam no Estado do Paraná. 

Voto impresso começa a valer em 2018, mas já é alvo de críticas

Com informações Agência Senado


A impressão do voto será obrigatória a partir das eleições gerais de 2018. 

Na escolha de presidente, governadores, senadores e deputados, a votação continuará a ser eletrônica, mas um boletim será impresso e arquivado em uma urna física lacrada. 

Apesar das críticas e da posição contrária do governo, essa medida para permitir a comprovação do voto foi aprovada duas vezes pelo Congresso — na minirreforma política e na derrubada do veto da presidente Dilma Rousseff.

Deputados do PT e do PCdoB pedem investigação contra Fernando Henrique

Com informações Portal Brasil

Deputados do PT e do PCdoB entregaram ontem (23) ao ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, ofício pedindo a abertura de investigação sobre crimes que teriam sido cometidos pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. 

Os parlamentares tomaram como base o que foi divulgado pela imprensa na entrevista da jornalista Mírian Dutra, que manteve um longo relacionamento extraconjugal com o ex-presidente. 

Os deputados querem que a Polícia Federal investigue os fatos narrados pela jornalista.

Aprovada inclusão do TST entre órgãos do Judiciário citados na Constituição

Com informações Agência Câmara

Proposta foi aprovada em 1º turno

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou a Proposta de Emenda à Constituição 11/15, do Senado, que inclui explicitamente o Tribunal Superior do Trabalho (TST) entre os órgãos do Poder Judiciário. 

A matéria, aprovada em primeiro turno por 448 votos a 3, precisa passar ainda por votação em segundo turno.

ÍNTEGRA DA PROPOSTA:

Requião: 'sem o pré-sal, a Petrobras está falida'

Com informações Brasil247


RBA - O senador Roberto Requião (PMDB-PR) vê no momento atual brasileiro, mais do que um movimento anticorrupção, uma guerra contra o Estado social, contra direitos sociais e trabalhistas, em nome do que ele chama de "capital vadio" ou especulativo. 

Em palestra na manhã de ontem (23) na Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), em São Paulo, o parlamentar e ex-governador do Paraná (por três mandatos) associa a ofensiva conservadora ao liberalismo "sem limite" no Brasil, juntamente com um governo "acuado" pelas tentativas de impeachment, em cuja possibilidade ele não acredita. Por isso, pede mais mobilização nas ruas e no Congresso, "para garantir as políticas sociais".

Obras de contenção de cheias em Curitiba somam R$ 151 milhões

Com informações ANPC


A Prefeitura de Curitiba investe em obras de drenagem e macrodrenagem para amenizar os problemas de alagamentos e enchentes em Curitiba. 

São intervenções nas bacias do Rio Pinheiro, Rio Iguaçu/sub-bacia e Rio Belém, nos quais estão sendo construídas contenções em concreto, indutores de retardo no fluxo da água, condutos forçados e estações de bombeamento que vão beneficiar os bairros Hauer, Fanny, Lindóia, Parolin e Guaíra.

As intervenções foram iniciadas em 2015 e estão sendo executadas em três lotes, com investimento de R$ 121 milhões. Incluindo as obras em execução e as já executadas, a atual gestão investiu R$ 151 milhões em obras para este fim.

Aprovada urgência para projeto que reduz salário de presidente da República

Com informações Agência Câmara

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou o regime de urgência para o Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 295/15, que reduz o salário da presidente da República, do vice-presidente e dos ministros de Estado de R$ 30.934,70 para R$ 27.841,23. 

A votação da proposta, no entanto, não ocorrerá de imediato

Senado aprova MP que eleva imposto dos ganhos de capital

Com informações Agência Senado


O Plenário do Senado aprovou na terça-feira (23) o Projeto de Lei de Conversão (PLV) 27/2015, decorrente da Medida Provisória (MP) 692/2015

A MP eleva a tributação dos ganhos de capital para pessoas físicas e faz parte das medidas de ajuste fiscal do governo. 

Como foi modificada no Congresso, a MP segue agora para sanção presidencial.

O ganho de capital é a diferença entre os rendimentos recebidos com a venda de um ativo (como ações e imóveis) e o custo de sua aquisição. 

Richa e Abelardo Lupion assinam contratos para construção de mais 517 casas populares

Com informações AEN-PR


O governador Beto Richa (PSDB) e o presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Abelardo Lupion (DEM), assinaram na terça-feira (22), no Palácio Iguaçu, os contratos de prestação de serviço para a construção de 517 novas moradias populares em 11 municípios do Estado. 

Os empreendimentos têm investimento estimado em R$ 35,3 milhões em recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e são frutos de uma parceria com prefeituras e a Caixa Econômica Federal. 

Conselho do Ministério Público mantém promotor que investiga ex-presidente Lula

Com informações  Agência Brasil
O Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) decidiu, por unanimidade, manter o promotor de Justiça do Ministério Público de São Paulo (MP/SP), Cássio Conserino, na investigação que apura se houve irregularidades na compra de uma cota de um apartamento triplex, no município paulista de Guarujá, pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

'Não há um centavo de campanhas brasileiras'

Com informações Brasil247


O advogado Fábio Tofic, que faz a defesa de João Santana, disse, na terça-feira (23), que o marqueteiro tem como comprovar que "não há um centavo" de campanhas eleitorais brasileiras nas contas dele no exterior.

"Não há um centavo de valores de campanhas brasileiras no exterior. Das nove últimas campanhas que ele fez, seis foram em outros países", afirmou Tofic.

O “erro” de datas ligando a Odebrecht ao Instituto Lula obedece a um padrão da lava jato

Com informações DCM

Com informações DCM


Por Kiko Nogueira

A Polícia Federal está produzindo, na Lava Jato, um arsenal de ilações e acusações que, com freqüência cada vez maior, atropelam os fatos. 

Um relatório da nova fase, cujo ápice foi a prisão do marqueteiro João Santana e da mulher, diz que Lula deve ser investigado por causa do “possível envolvimento em práticas criminosas”.

Quais práticas? 

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Arruda e Roriz são condenados por improbidade administrativa pela Justiça do DF

Com informações Agência Brasil

Os ex-governares do Distrito Federal José Roberto Arruda e Joaquim Roriz, além de mais quatro pessoas, entre elas o ex-conselheiro do Tribunal de Contas do DF Domingos Lamoglia, foram condenados ontem (22), em primeira instância pela 2ª Vara de Fazenda Pública do DF, por improbidade administrativa. 

Eles eram réus no processo oriundo da Operação Caixa de Pandora, que também ficou conhecido como mensalão do DEM.

PF: campanhas do PT feitas por Santana foram legais

Com informações Portal Brasil


A Polícia Federal (PF) concluiu que não foram encontradas irregularidades nos pagamentos do PT pelos serviços prestados pelo publicitário João Santana nas campanhas eleitorais da presidenta Dilma, do ex-presidente Lula e do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad. O relatório da Polícia Federal, com as informações, foi citado pelo juiz federal Sérgio Moro ao deferir o pedido de prisão de Santana e de sua mulher, Mônica Moura.
De acordo com a PF, as suspeitas em relação ao publicitário e Mônica Moura são referentes a cerca de US$ 7,5 milhões que teriam sido recebidos pelos dois no exterior, por meio de uma empresa offshore que seria controlada pela empreiteira Odebrecht.
"Os valores referentes aos pagamentos pelo préstimo de serviços de João Santana e Mônica Moura para as campanhas eleitorais de Luiz Inácio Lula da Silva (2006), Fernando Haddad (2012) e da atual presidente da República Dilma Rousseff (2010 e 2014) totalizam R$ 171.552.185,00. Não há, e isto deve ser ressaltado, indícios de que tais pagamentos [das campanhas] estejam revestidos de ilegalidades", concluíram os delegados no relatório citado pelo juiz Sérgio Moro em sua decisão.
No despacho no qual autorizou a prisão dos investigados na 23ª fase da Lava Jato, o juiz federal Sérgio Moro citou os valores do relatório da Polícia Federal e disse que, "ao que tudo indica", os recursos foram declarados.

A empresa Odebrecht, alvo de investigação da Operação Lava Jato, confirmou, por meio de nota, que agentes da Polícia Federal realizaram ações nos escritórios da companhia em São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia, visando ao cumprimento de mandados de busca e apreensão. Informou ainda que "está à disposição das autoridades para colaborar com a operação em andamento".

'Campanha de Dilma fez pagamento legal a Santana'

Com informações Brasil247


O coordenador jurídico da campanha à reeleição da presidente Dilma Rousseff, Flávio Caetano, divulgou nota na segunda-feira (22) na qual afirma que o pagamento de R$ 88 milhões ao marqueteiro João Santana se deu de forma legal.

Na nota, o coordenador jurídico da campanha afirma que as empresas de João Santana receberam R$ 88 milhões da campanha "de forma legal e absolutamente transparente".

Câmara rejeita isenção do Imposto de Renda sobre a remuneração de professores

Com informações  Agência Câmara


A Comissão de Finanças e Tributação da Câmara dos Deputados rejeitou o Projeto de Lei 2607/11, do deputado Felipe Bornier (PSD-RJ), que concede isenção do Imposto de Renda da Pessoa Física sobre a remuneração de professores.

Segundo o texto rejeitado, para ser beneficiado, o profissional precisaria estar em efetivo exercício na rede pública de educação infantil, fundamental, média e superior.

O parecer vencedor, do deputado Enio Verri (PT-PR), foi pela incompatibilidade e inadequação financeira e orçamentária da proposta.

Brasil é agora o décimo maior cotista do FMI

Com informações EBC


O Brasil passou a ser o décimo maior cotista do Fundo Monetário Internacional (FMI), informou ontem (22) o Banco Central (BC). 

O país subiu quatro posições após a integralização do aumento de sua cota, na semana passada.

As cotas são um componente central dos recursos financeiros do FMI. Para cada país membro é atribuída uma cota, de acordo com sua posição na economia mundial. Quanto mais forte o país, maior sua cota e seu poder de influência no fundo.

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

16 mil deficientes visuais aguardam em fila por uma máquina Braille

Com informações Portal Brasil



As máquinas Braille são muito caras e inacessíveis para grande parte da população deficiente visual. 

Para melhorar esse cenário, a Associação Brasileira de Assistência à Pessoa com Deficiência Visual (Laramara), por meio de uma parceria com escolas SENAI, conseguiu nacionalizar as máquinas Braille, diminuindo os custos em cerca de 50%.

Em entrevista ao programa Cotidiano, o gestor de Projetos e Parceiras da Laramara, Cristiano Gomes, conta que a máquina Braille já existe há mais de 60 anos no mundo, mas no Brasil, ela foi nacionalizada há 12 anos.
 

Ginástica artística do Brasil ganha 2 ouros na Copa do Mundo do Azerbaijão



A ginástica artística do Brasil começou bem 2016, ano das Olimpíadas do Rio de Janeiro. Na primeira etapa da Copa do Mundo da modalidade, em Baku, no Azerbaijão, Daniele Hypolito e Flávia Saraiva tiveram um bom desempenho e foram bem nas finais de domingo (21). 

Flávia Saraiva garantiu dois ouros e um bronze, enquanto Daniele Hypolito uma prata nas barras assimétricas.

Flávia conquistou o ouro na trave  e no solo com 13,850, além do bronze nas assimétricas.

Já Daniele garantiu a prata nas barras assimétricas. 


Em abril, as duas voltam a competir em evento-teste, quando a seleção brasileira de ginástica artística tenta a vaga por equipe para os Jogos Olímpicos.

Umberto Eco: lembre 15 frases do autor italiano

Com informações Portal Brasil


O escritor italiano Umberto Eco, que faleceu aos 84 anos na sexta-feira (19), sempre discutiu a cultura, a mídia e a sociedade em seus ensaios e reflexões. 

Seu último livro publicado, "Número Zero" direcionou sua crítica à imprensa, ao retratar uma redação imaginária de um jornal que trabalha com base na manipulação de informações e difamação de adversários. 

Um novo livro do autor deve ser lançado em março, com o título “Pape Satan Aleppe”, frase retirada da obra “Divina Comédia”, de Dante Alighieri (1265-1321) e reunirá artigos publicados pelos italiano desde 2000.

Nos últimos anos, Eco focou suas críticas na internet e na forma como a informação circula nos meios virtuais e chegou a classificar a propagação de opiniões pelas redes sociais como "invasão dos imbecis". 


Mas os temas de suas reflexões também passam por outros assuntos. Em uma delas, em que fala da morte, Eco diz que "nós gostamos de listas porque não queremos morrer". 

Então o Portal EBC achou que a melhor forma de homenagear o autor após sua morte seria por meio de uma lista com algumas de suas frases. Separamos 15 delas, que seguem abaixo.

"Nós temos um limite, muito desencorajador e humilhante: a morte. É por isso que nós gostamos de todas as coisas que nos parecem ilimitadas e, portanto, sem fim. É uma forma de fugir dos pensamentos sobre a morte. Nós gostamos de listas porque não queremos morrer"

"As redes sociais deram o direito à palavra a legiões de imbecis que, antes, só falavam nos bares, após um copo de vinho, e não causavam nenhum mal para a coletividade. Nós os fazíamos calar imediatamente, enquanto hoje eles têm o mesmo direito de palavra do que um prêmio Nobel. É a invasão dos imbecis"

“A internet não seleciona a informação. Há de tudo por lá. A Wikipédia presta um desserviço ao internauta. Outro dia publicaram fofocas a meu respeito, e tive de intervir e corrigir os erros e absurdos. A internet ainda é um mundo selvagem e perigoso. Tudo surge lá sem hierarquia. A imensa quantidade de coisas que circula é pior que a falta de informação. O excesso de informação provoca a amnésia. Informação demais faz mal. Quando não lembramos o que aprendemos, ficamos parecidos com animais. Conhecer é cortar, é selecionar”

"A Internet pode ter tomado o lugar do mau jornalismo... Se você sabe que está lendo um jornal como EL PAÍS, La Repubblica, Il Corriere della Sera…, pode pensar que existe um certo controle da notícia e confia. Por outro lado, se você lê um jornal como aqueles vespertinos ingleses, sensacionalistas, não confia. Com a Internet acontece o contrário: confia em tudo porque não sabe diferenciar a fonte credenciada da disparatada. Basta pensar no sucesso que faz na Internet qualquer página web que fale de complôs ou que invente histórias absurdas: tem um acompanhamento incrível, de internautas e de pessoas importantes que as levam a sério"

“O problema da internet é que produz muito ruído, pois há muita gente a falar ao mesmo tempo. Faz-me lembrar quando na ópera italiana é necessário imitar o ruído da multidão e o que todos pronunciam é a palavra ‘rabarbaro’. Porque imita esse som quando todos repetem ‘rabarbaro rabarbaro rabarbaro’, e o ruído crescente da informação faz correr o risco de se fazer ‘rabarbaro’ sobre os acontecimentos no mundo”


"Não pode se limitar apenas a falar do mundo, uma vez que disso a televisão já fala. Já disse: tem que opinar muito mais sobre o mundo virtual. Um jornal que soubesse analisar e criticar o que aparece na Internet hoje teria uma função"

"A arte só oferece alternativas para quem não está preso nos meios de comunicação de massa"

"O intelectual não pode fazer nada, não pode fazer a revolução. As revoluções feitas por intelectuais são sempre muito perigosas”

“Quando os homens pararem de acreditar em Deus, isso não significará que eles não acreditam em nada, mas que eles acreditam em tudo”

“Populismo midiático significa apelar diretamente à população por meio da mídia. Um político que domina bem o uso da mídia pode moldar os temas políticos fora do parlamento e até eliminar a mediação do parlamento”
“Não escrevo nenhuma espécie de autobiografia, mas os romances são a minha autobiografia, há uma diferença"

“Os livros não foram feitos para serem acreditados, mas para que os questionemos. Quando lemos um livro, devemos perguntar a nós próprios não o que diz, mas o que significa”

“Sempre me considerei um acadêmico que num fim de semana de verão decidiu escrever um romance”

“Para sobreviver é preciso contar histórias”


“Há uma boa razão para nunca ter realizado um filme. É porque sou impaciente. Num filme, se precisas de um elefante e o elefante não está lá, tens de esperar dois dias. Eu não posso esperar dois dias por um elefante”

Senado afirma que não é obrigado a seguir decisão da Câmara sobre impeachment

Com informações Agência Brasil


A Advocacia do Senado enviou na sexta-feira (19) ao Supremo Tribunal Federal (STF) manifestação na qual defende que a Casa não é obrigada a seguir a decisão que for tomada pela Câmara dos Deputados no processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff.

A manifestação foi solicitada pelo ministro Luís Roberto Barroso para julgar o recurso em que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), tenta para modificar o julgamento no qual a Corte decidiu invalidar, em dezembro do ano passado, a eleição da chapa avulsa para formação da comissão especial da Casa que conduzirá o processo de impeachment. 

Prefeitura de Curitiba tem 30 dias para regularizar radares

Com informações TCE-PR

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) deu um prazo de 30 dias para que a Prefeitura de Curitiba regularize a situação dos 204 radares em operação na cidade. 

Fruto de uma inspeção técnica realizada no sistema, foi apresentada uma notificação à Secretaria Municipal de Trânsito (Setran) para que sejam implantadas várias providências nesse período, antes da adoção de medidas de caráter punitivo, conforme expôs o presidente do TCE-PR, conselheiro Ivan Bonilha na notificação.

O contrato da Prefeitura com a Consilux está vencido desde 2011, mas a empresa continua recebendo R$ 464 mil por mês pelo fornecimento dos equipamentos. 

Papa Francisco pede o fim da pena de morte

Com informações Agência Brasil


Cidade do Vaticano
Da Agência Lusa

O papa Francisco pediu ontem (21) que não seja executada nenhuma pena de morte durante a celebração do Jubileu Extraordinário, que ocorre até 20 de novembro, e pediu à comunidade internacional o fim definitivo dessa prática.

“Faço um apelo à consciência dos governantes para que consigam um acordo internacional para abolir a pena de morte. E proponho aos católicos que cumpram um gesto de valentia: que nenhum condenado seja executado durante o Ano Santo da Misericórdia”, disse.

Governo libera R$ 20 bilhões para operações de crédito de estados e municípios

Com informações  Agência Brasil

Os estados e municípios poderão pegar emprestados até R$ 20 bilhões no sistema financeiro este ano. 

A liberação do valor foi anunciada na sexta-feira (19) pelo Ministério da Fazenda, após reunião do ministro Nelson Barbosa com governadores.

De acordo com a Fazenda, dos R$ 20 bilhões de crédito a que os governos locais terão direito, R$ 17 bilhões terão garantia do Tesouro Nacional (que assumirá a dívida em caso de calote) e R$ 3 bilhões não terão a garantia da União. 

Da parcela garantida pelo governo federal, R$ 12,3 bilhões se destinam aos estados e R$ 4,7 bilhões aos municípios.

Requião: “FHC comprou a mídia, a reeleição e a namorada”

Com informações Brasil247


O senador Roberto Requião (PMDB-PR) usou as redes sociais no sábado, 20, para criticar o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) pelo suposto esquema ilegal que utilizou para sustentar a ex-amante Mirian Dutra.

"Ele é comprador juramentado e militante, comprou a namorada, a reeleição e a mídia? O famoso quem? Diga aí! Mas vendeu o Brasil?", escreveu Requião no Twitter.

Colômbia tem mais de 37 mil vítimas do vírus Zika

Com informações EBC

Da Agência Lusa
Mais de 37 mil casos de contágio pelo vírus Zika foram confirmados na Colômbia. Dentre eles,  6.536 são em grávidas. 

São quase 5.456 novos casos em uma semana, segundo o último balanço divulgado no sabado (20) no segundo país mais atingido pelo vírus, depois do Brasil. 

O vírus está presente em 235 cidades da Colômbia, 44% no centro do país e 20,9% na zona caribenha.

domingo, 21 de fevereiro de 2016

GRANDES ARTIGOS: A LAVA JATO FAZ ÁGUA; CPI NELA


A Operação Lava Jato comprometida por erros e vícios?

Vazamentos seletivos de informações de delações premiadas sob responsabilidade do Judiciário, em conluio com empresas de comunicação previamente escolhidas.  Violações de garantias constitucionais. Irregularidades na condução de processos. 

Abuso de poder, associação espúria com setores da imprensa para publicação de conteúdos sob sigilo e guarda do Poder Judiciário, visando objetivos políticos. 

É desta forma que a grande maioria do POVO brasileiro, até mesmo os mais inocentes e distraídos dos cidadãos estão sentindo, vendo e acompanhando o desenrolar dos fatos, perplexos com tantas transgressões.

O escritor e jornalista Laurez Cerqueira, propõem uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar setores do Judiciário, do Ministério Público, da Polícia Federal e da imprensa.

Conforme Laurez, o STF já encontrou até o momento mais de 11 erros que comprometem a lisura do processo de investigação da Operação Lava Jato, a cargo do juiz Sérgio Moro, e a segurança institucional e jurídica do país. 

Leia o artigo na integra pelo link, abaixo:                 

sábado, 20 de fevereiro de 2016

CITAÇÃO D SEMANA: DOM SERGIO DA ROCHA


“Há outros saneamentos que o Brasil precisa fazer, a falta do saneamento, no sentido tradicional da palavra, é decorrente da falta de saneamento na política ao longo dos séculos e ao longo dos últimos anos.

É a falta de uma política que não tenha nem a corrupção no comportamento de nós, políticos, e nem a corrupção nas prioridades do uso dos recursos públicos, que nós terminamos usando para outros fatos que não são tão importantes quanto o saneamento onde vivem as pessoas."

Dom Sérgio da Rocha, presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB,  em 16/02/2016  (CNBBpede que Congresso inclua saneamento entre direitos fundamentais)

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Roberto Requião critica projeto que retira da Petrobras exclusividade de operação do pré-sal

Com informações Rádio Senado
   
O senador Roberto Requião (PMDB-PR) criticou o projeto que retira da Petrobras a exclusividade de operação dos campos do Pré-Sal. 

O texto, do senador José Serra, está na pauta do Plenário e pode ser votado na próxima semana. 

Para Requião, o fato de haver irregularidades na empresa não justifica entregar o petróleo brasileiro nas mãos de empresas internacionais.

O senador usou vários argumentos para justificar as críticas ao projeto. 

Para ele, este é o pior momento possível para vender uma grande reserva de petróleo extraída a baixo custo, já que os preços do combustível estão sendo mantido baixos para controlar as reservas internacionais. 

Para combater Zika, papa admite uso de anticoncepcionais

Com informações EBC

Roma
Da Ansa Brasil

Em uma entrevista coletiva no avião que o levou do México para o Vaticano, o papa Francisco defendeu métodos contraceptivos como um “mal menor” para combater a disseminação do vírus Zika, mas criticou o uso do aborto para evitar o nascimento de crianças com microcefalia.

"O aborto não é um problema ideológico, é um problema humano, um problema médico; é matar uma pessoa para salvar outra, no melhor dos casos, ou para deixá-la bem. É um mal em si mesmo", declarou o Pontífice.

Contudo, segundo Jorge Bergoglio, não se deve confundir o “mal para evitar a gravidez” com a interrupção da gestação.

"Sobre o mal menor, evitar a gravidez, falemos em termos de conflito entre o quinto e o sexto mandamentos ['não matar' e 'não pecar contra a castidade']. Paulo VI, o grande, em uma situação difícil na África, permitiu às freiras o uso de anticoncepcionais em casos de violência", declarou Francisco aos jornalistas presentes em seu avião.

Defesa de Delcídio afirma que provas são ilegais e prisão é inconstitucional

Com informações Agência Senado
   

Os advogados de Delcídio alegam que a prisão foi inconstitucional e pedem a substituição do relator do processo no Conselho de Ética


A defesa do senador Delcídio do Amaral (PT-MS) contra a representação protocolada no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar foi apresentada nea quinta-feira (18). 

Dois advogados entregaram o documento, que alega que a prisão preventiva do senador é inconstitucional e que as provas existentes contra ele foram obtidas de forma ilegal.

Delcídio foi preso em novembro pela Polícia Federal por suspeita de obstrução da Operação Lava Jato, que investiga esquema de corrupção na Petrobras. 

STF: Receita pode acessar dados bancários sem autorização judicial

Com informações  Portal Brasil


A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) (6 a 1) votou ontem(18) pela manutenção da validade da Lei Complementar nº 105/2001, que permite à Receita Federal acessar informações bancárias de contribuintes sem autorização judicial. 

O julgamento foi interrompido e será retomado na semana que vem, com os votos dos quatro ministros que ainda não votaram.

Promulgada emenda constitucional que permite troca de partido por 30 dias

Com informações Agência Câmara

O Congresso Nacional promulgou nesta quinta-feira (18), em sessão conjunta (Câmara e Senado), a emenda constitucional 91, que abre prazo de 30 dias para que políticos troquem de partido sem perder o mandato. 

É a chamada "janela partidária”. O texto promulgado é o da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 182/07.

A desfiliação, no entanto, não será considerada para fins de distribuição do dinheiro do Fundo Partidário e do acesso gratuito ao tempo de rádio e televisão.

Ex-governador do DF Agnelo Queiroz é condenado por improbidade

Com informações Agência Brasil


O ex-governador do Distrito Federal Agnelo Queiroz foi condenado por improbidade administrativa.

A decisão foi devido a irregularidades encontradas pelo Ministério Público nos contratos de transmissão da etapa da Fórmula Indy.

A corrida seria realizada no Autódromo Nelson Piquet, que também receberia uma reforma para atender às exigências da competição. 

Porém, as obras foram interrompidas após o Ministério Público identificar irregularidades nos termos de compromisso da reforma e transmissão do evento.